Investimento em TI cresce 30% nos grandes hospitais

Estudo feito pela ECM Assessoria & Marketing aponta que um quarto dos 43 hospitais da grande São Paulo entrevistados durante o mês de julho deve destinar cerca de R$ 300 mil para projetos que envolvem tecnologia da informação. Segundo a pesquisa, o investimento será 30% maior que o registrado no mesmo período do ano passado.

Entre os hospitais entrevistados, 75% geram faturamento entre R$ 10 milhões e R$ 250 milhões e 51% possuem de 1 mil a 5 mil funcionários. O estudo apontou também que para 60% dos hospitais o PEP (Prontuário Eletrônico do Paciente) será um dos principais motivadores para as aquisições em soluções de Mobilidade.

“A necessidade de mobilidade também trará a demanda por outras soluções, como GED (Gerenciamento Eletrônico de Documentos) por causa do aumento da adoção de Telemedicina para diagnóstico remoto”, diz Elcio Morelli, diretor comercial da ECM, que acredita que os exames digitalizados por meio de GED também serão impulsionados pela necessidade de aumento da mobilidade.

Influência das normas

Outro fator que também impulsionará a adoção de soluções que permitam mobilidade e direcionará parte dos investimentos, segundo Morelli, é a necessidade de os hospitais se adaptarem ao padrão TISS (Troca de Informação em Saúde Suplementar), imposto pela Agência Nacional de Saúde para registro e intercâmbio de dados entre operadoras de planos privados de assistência à saúde e prestadores de serviços da área.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s