TVs com acesso à web estão próximas


digital-tv-715546Se houve um tema dominante na Consumer Electronics Show (CES), a feira de eletrônica realizada em Las Vegas na semana passada, foi o de que absolutamente todos os aparelhos que temos em nossas vidas estão se tornando computadores conectados à internet.

Veja a opnião de especialistas do setro de TI:

Fornecer serviços via aparelhos
Por muito tempo, os celulares foram nosso negócio. Mas hardware já não é suficiente. Precisamos de muitos serviços e conteúdo, e isso é uma grande mudança para nós.
(Olli-Pekka Kallasvuo, presidente-executivo da Nokia)

Nos próximos cinco anos, ofereceremos não só hardware mas conteúdo em nossos aparelhos, de forma mais fácil e conveniente. A TV agora é interativa. O aparelho e o controle remoto serão os mesmos, mas as funções mudarão completamente.
(Jong Woo Park, presidente de mídia digital da Samsung)

Devemos esperar mais unificação – três telas (computador, celular e TV) – e uma experiência em nuvem unificada para todas elas.
(Steve Ballmer, presidente-executivo da Microsoft)

A evolução dos televisores

Pense em internet na TV como um navegador de web – que pode chegar às telas de TV em dois anos, de acordo com alguns, mas por enquanto ainda seria complexo demais.
(Reed Hastings, presidente-executivo da Netflix)

Televisão 3D. Uma grande revolução que chegará para os bens de consumo eletrônicos e na qual estamos apostando.
(Woo Hyun Paik, presidente da LG Electronics)

Em cinco anos, o conceito que vai mudar para o usuário é que ele não terá de se preocupar se seu conteúdo está no computador, no celular ou na TV, e como transferi-lo.
(Robbie Bach, presidente da divisão de entretenimento e aparelhos da Microsoft)

Mudanças na forma dos computadores
Parte maior do que vendemos será mais barato. Pode ter todas as funções de um computador, mas em escala menor. Pode ser só uma tela com um processador, pendurada em uma parede.
(Dirk Meyer, presidente-executivo da AMD)

Para tornar possível a casa digital, todas as paredes se tornarão telas, um dia. O espelho será uma tela. Você poderá assistir ao espelho.
(Jonney Shih, presidente do conselho da Asustek)

Enfrentando a recessão
Os consumidores estão gastando menos mas continuam comprando. Adiam viagens de férias mas ainda compram TVs para relaxar em casa. No ano passado, compraram laptops de US$ 1 mil; este ano comprarão laptops de US$ 500. Eles não estão comprando carros, e precisam comprar alguma coisa.
(Gilbert Fiorentino, presidente-executivo da CompUSA e TigerDirect)

Como aperfeiçoar os processos de negócio


combo

Entre os objetivos que levam as empresas a desenvolver projetos de gestão orientada a processos estão a possibilidade de tornar mais ágil as decisões de negócios, promover maior integração entre todas as áreas e compartilhar o conhecimento dentro da organização.

O que diferencia as empresas competitivas das demais é que elas colocaram em prática o novo modelo gerencial que cresce em velocidade espantosa, em decorrência da rápida disseminação do já popular BPM (Business Process Management). Essas empresas equacionaram a necessidade de mapear, enxergar, automatizar e controlar todas as inúmeras e complexas operações destinadas a produzir produtos e serviços. Existe uma corrida por parte das organizações de todos os setores (indústria, comércio, bancos e serviços) – no Brasil e no mundo – para conseguir entregar ao cliente o seu pedido, sejam produtos ou serviços, com rapidez, custos menores e qualidade superior. Entre os objetivos que levam novas empresas a desenvolver projetos de gestão orientada a processos estão a possibilidade de tornar mais ágil as decisões de negócios, promover maior integração entre todas as áreas e compartilhar o conhecimento dentro da organização. Com processos bem organizados, estruturados e automatizados, as atividades fluem conforme o planejamento. [Leia mais]

Adequação à nova lei pode mudar perfil dos contact centers


call-center-2-webA era do relacionamento

Grande parte da dificuldade que empresas vêm enfrentando para se ajustarem à nova lei do SAC decorre do fato de que, para muitas delas, o call center ainda é visto como um centro de custos, se esquecendo que o serviço de atendimento ao cliente pode ser um gerador de receita. [Leia mais]

EAD e a socialização do conhecimento


dossie-universo-jovemCom o avanço das tecnologias da comunicação e da informação e mais precisamente com o desenvolvimento da internet, a comunicação tornou-se mais rápida oportunizando assim, a veiculação de conhecimento em tempo real. Esta mídia, a internet, permite agrupar em sua estrutura todas as outras como som, texto e imagem. Sendo assim, a partir dessa possibilidade, a utilização da internet para transmissão de informação ficou de mais fácil acesso. Dessa forma, as instituições educacionais aproveitaram a internet para desenvolver plataformas de educação a distância.

Uma plataforma de EAD reúne diferentes ferramentas como chat, fórum, editor de texto, inserção de imagem, de som, de slides e web conferência, todos integrados para fazer fluir a troca de informação entre professores e alunos. O trabalho do docente com os recursos aí disponibilizados potencializa-se, pois os meios didáticos permitem aos professores lançar mão de recursos didáticos como produção de textos (editor de texto), conversarem com os alunos online (chat), dispor conteúdo para que seus alunos comentem e insiram sua compreensão (fórum), disponibilizar música, imagem e também realizar aulas por meio da web conferência.

Podemos inferir que a EAD é um meio de se socializar o conhecimento, e realizar o processo de inclusão digital de comunidades que estão fora do circuito das instituições educacionais.

O EAD é uma oportunidade para instiruições de ensino, capacitação corporativa e mercado em expansão para tutores online.