Redes sociais no mundo

Órgãos públicos de São Paulo liberam acesso a redes sociais e blogs


redes_sociais


Objetivo é melhorar a prestação de serviços aos cidadãos e divulgar ações usando redes sociais, blogs e outros serviços online.

Todos os órgãos públicos de São Paulo vão liberar o acesso a redes sociais, blogs e outras ferramentas de ‘web 2.0’ aos servidores públicos, com o objetivo de melhorar a prestação de serviços aos cidadãos.

A medida é de autoria do governador de São Paulo, José Serra (PSDB-SP), e foi publicada no Diário Oficial da Secretaria de Gestão Pública na quinta-feira (25/6), quando entrou em vigor.

A resolução libera o acesso a redes sociais, sites de vídeo, blogs, microblogs e softwares de colaboração, além de serviços relacionados. Os servidores públicos poderão utilizar as ferramentas para se comunicar com os usuários e divulgar ações ou iniciativas do governo.

Além disso, os órgãos poderão se comunicar via mensagem de texto no celular (SMS), desde que haja autorização prévia do usuário.

Para facilitar a comunicação, serão armazenados, nos bancos de dados das administrações, os e-mails e números de celular dos usuários de serviços dos órgãos.

Usuários de internet expostos a anúncios gastam mais dinheiro online

anuncios internet


Um a cada três usuários de internet visita os sites das marcas apresentadas em anúncios online. A informação é resultado de uma pesquisa conduzida pela empresa de pesquisas comScore e encomendada pelo Online Publisher’s Association (OPA).

O estudo chamado “The Silent Click: Building Brands Online,” (O Clique Silencioso: Construindo Marcas Online) revelou ainda que os usuários gastam 50% mais tempo nos sites das empresas que anunciam em outros sites que a média dos visitantes comuns (que não foram conduzidos por um anúncio). Eles também acessam mais páginas.

Tais usuários, trazidos para o site do anunciante por meio dos anúncios, gastam em média 10% mais dinheiro online que os visitantes diretos e a parte mais significante desse gasto está relacionada às categorias de produto anunciadas, concluiu a pesquisa, acrescentando que o público que visita os sites dos anunciantes é formado pela audiência de maior rendimento.

A pesquisa avaliou 80 das maiores campanhas de construção de marca pelos 200 sites de maio tráfego nos Estados Unidos durante um mês e analisou durante um mês o comportamento dos internautas expostos a anúncios.

Britânico conecta casa ao Twitter

casa ao Twitter


Sistema envia mensagens ao Twitter com o status do consumo de energia da residência.

Um engenheiro de computação britânico conectou toda a sua casa ao Twitter. Andy Stanford-Clark recebe em seu perfil no microblog – ao qual acessa pelo celular – posts dizendo “o aquecedor do banheiro está ligado” ou “a temperatura da sala de ginástica está fria”. Com isso, ele pretende reduzir os custos com energia elétrica de sua residência.

Segundo o jornal Daily Mail, o sistema trabalha por meio por uma rede de uma dúzia de sensores que Stanford-Clark instalou pela casa – no medidor de energia e na janela do banheiro, por exemplo.

O engenheiro, sua esposa e seus dois filhos podem, então, ter o status atualizado das luzes externas, da temperatura da banheira ou saber se as janelas do segundo andar estão abertas.

As informações dos sensores wireless são gravadas em um pequeno chip que transmite sinais de rádio para um hub central. Como especialista de software da IBM, Stanford-Clark desenvolveu um programa que transforma esses sinais em palavras.

O sistema avisa Stanford-Clark sempre que ele atinge 10 libras de consumo de energia (cerca de 32 reais). Desde que começou a monitorar o uso da energia elétrica em sua casa, o engenheiro já economizou um terço do consumo.

Fundadores do The Pirate Bay criam site para competir com YouTube

The Pirate Bay


The Video Bay deve oferecer programas de TV e filmes de Hollywood que podem ser assistidos pelo browser, sem exigir download.

Desenvolvedores por trás do serviço de buscador de torrents The Pirate Bay criaram uma nova ameaça para a indústria cinematográfica: um site chamado The Vídeo Bay, que pretende piratear programas de TV e filmes de Hollywood e torná-los disponíveis em alta definição para serem assistidos no navegador – sem exigir downloads.

O site deve competir com o Hulu e com o YouTube e seus criadores não parecem estar preocupados com questões legais como licenças para conteúdo protegido por direitos autorais.

O The Vídeo Bay já está no ar, atualmente em fase de testes iniciais. Na manhã desta segunda-feira (29/6) a reprodução de alguns vídeos e áudios – que pareciam estar disponíveis – falhou. A  página inicial do site já apresenta a informação: “Não espere que tudo funcione” e ainda não há data definida para lançamento.


Dadas as implicações legais que os criadores do The Pirate Bay têm enfrentado em vários países desde o início do ano, ao destino do The Vídeo Bay pode não ser tão promissor.

No entanto, o fato de não ser mais necessário baixar um arquivo reduz significativamente a barreira técnica para se acessar conteúdo ilegal. Os “piratas” não precisariam mais lidar com formatos de vídeos, players e converter imagens ISO para arquivos de vídeo.

Opinião da Cysneiros Consultores:

Flammarion Cysneiros - CEO - ICOMUNI ConsultoriaPara Flammarion Cysneiros, diretor de Pesquisa e Desenvolvimento de Projetos da ICOMUNI Consultoria, as Redes Sociais tais como twitter, youtube, orkut, facebook, etc, já são realidade e têm despertado cada vez mais a atenção do mundo corporativo. Os blogs são ferramentas estratégicas de marketing para divulgação de informações no modelo de uma assessoria de imprensa digital.

“A ICOMUNI Consultoria empresa há mais de 5 anos no mercado, presta consultoria em marketing social 2.0, tem observado um crescente aumento da demanda do mundo corporativo interessado nessas novas estratégias de MKT 2.0”

Veja também

Mais informações sobre Redes Sociais:
  1. Lifestreaming: Será que os blogs estão com os dias contados?
  2. Nova lei eleitoral permite blogs e redes sociais, mas restringe publicidade
  3. Redes sociais são estratégicas na busca de clientes
  4. Dell afirma ter faturado US$ 3 milhões com conta no Twitter
  5. Twitter é usado como “arma” Social
  6. Era ‘pontocom’ faz 20 anos
  7. Inovação: Construtora vende por R$ 500 mil 1º apartamento pelo Twitter
  8. Wave quer agregar dados na web
  9. Tempo gasto em redes sociais nos EUA quase dobra em um ano
  10. Qual melhor tipo de Blog para sua empresa?
  11. Internet2 via satélite
  12. Como ganhar dinheiro com o Twitter?
  13. A Web 2.0 somos nós
Logomarca Cysneiros e Consultores Associados

TopoBlog_ Flammarion

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s