Parnaíba constrói sua vocação para tecnologia e o empreendedorismo

parnaiba-620x340

 

A cidade de Parnaíba, no Piauí, a capital do Delta, localizada ao norte do estado a pouco mais de 300 quilômetros de Teresina (Capital) com cerca de 170 mil habitantes, tem a maior taxa de crescimento econômico do Brasil, segundo levantamento realizado pelo anuário Multi Cidades – Finanças dos Municípios do Brasil, da Frente Nacional de Prefeitos (FNP) entre municípios do interior. A cidade é a segunda maior do estado do Piauí e a quarta no Nordeste com maiores investimentos.  Com a economia ainda baseada no agronegócio  com produção e exportação de cera de carnaúba, óleo de babaçu, gordura de coco, folha de jaborandi, castanha de caju, algodão e couro, atualmente busca alternativas na tecnologia e no empreendedorismo para fortalecer-se como Polo de Desenvolvimento Científico e Tecnológico.

Uma delas é a criação do Instituto Delta TIC’s, formado pela união de empresas parnaibanas que já vinham fazendo projetos entre si e que que  busca o desenvolvimento das tecnologias de informação na cidade de Parnaíba e consequentemente em todo estado do Piauí.  Sua fundação compreende a projeção de esforços dos empresários, pesquisadores e agentes do governo, para tornar palpável medidas consideradas ideais para o crescimento do setor, economia, qualidade de vida e campo de trabalho para os egressos de TI.

Já em seu nascimento, o Delta TIC’s, contempla uma série de inovações que se estendem desde de sua estrutura organizacional, funcional e valores almejados. Profissionalizar por meio da adesão de inovação, responsabilidade social e empreendedorismo, as empresas associadas; maximizar e compartilhar resultados do faturamento deste crescimento para que o setor se torne autossustentável gerando oportunidades para nascimento e ascensão de novos negócios; devolver à sociedade por meio de contrapartidas sociais valores humanos, qualidade de vida e oportunidades e ser uma das portas para que a academia possa ter seus resultados aplicados na forma de inovação são algumas delas.

Hoje o instituto tem uma amplo espaço num shopping onde já abriga oito empresas, uma incubadora comercial, uma incubadora acadêmica num espaço compartilhado inspirado na ideia de que todas as empresas possam ajudar-se mutuamente e na prática. As empresas mais experientes e capitalizadas contribuem para que jovens empreendedores também possam gozar de um modelo de incentivo onde todos crescem juntos, fortalecendo o segmento no Estado e desenvolvendo um sistema equilibrado.

A presença da academia nesta arquitetura é outro fator diferencial do projeto. A Academia vincula-se ao polo com a responsabilidade de doar conhecimento e incentivo à pesquisa de novas tecnologias por meio da interação entre professores e alunos e pode aproveitar a estrutura e o potencial do pólo para o desenvolvimento de soluções com aplicações tecnológicas e qualquer área do conhecimento agora poderá interagir com as contribuições que a TI oferece.  A estrutura de suporte de atuação do DELTA TIC´s está configurada assim:

foto2

 

Um diferencial para o aspecto econômico do polo está centrado na organização do fluxo que envolve os agentes empresas, academia e poder público, de forma que as universidades  possam gerar conhecimento a ser absorvido pelas empresas e, por sua vez, as empresas irão gerar inovações mediante a produção de ferramentas inteligentes e desta forma, o poder público pode incentivar o desenvolvimento tecnológico, sendo ele tanto um laboratório como um utilizador direto destas novas ferramentas.

Uma vez que este ciclo ocorra e o fluxo aconteça, os empresários, a comunidade acadêmica e a população são beneficiados diretamente, tanto em aspectos financeiros como educacionais e, consequentemente, há um aumento na qualidade de vida. Para que este diferencial possua um fluxo contínuo, a capacitação dos agentes envolvidos é determinante, pois só mediante planejamento e preparo o sistema pode suportar crescimento e expansão. Além da metodologia inovadora, desenvolve-se no polo um mecanismo de expansão econômica através de um sistema diferenciado de negociação, que consiste em um novo modelo de negócio, o qual originou uma empresa para a Gestão de Negócios: Consultólogo – Rede Brasileira de Consultoria, Marketing e Representação. Mas esse é um tema para uma próxima conversa.

Por Paulo Cesar Coutinho

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s