Você já fez o Empretec ?


empretec-sebrae-onu
Proporciona o amadurecimento de características empreendedoras, aumentando a competitividade e as chances de permanência no mercado.
 

O que é

O Empretec é uma metodologia da Organização das Nações Unidas – ONU voltada para o desenvolvimento de características de comportamento empreendedor e para a identificação de novas oportunidades de negócios, promovido em cerca de 34 países.

No Brasil, o Empretec é realizado exclusivamente pelo Sebrae e já capacitou cerca de 230 mil pessoas, em 9,8 mil turmas distribuídas pelos 27 Estados da Federação. Todo ano, o Empretec capacita em torno de 10 mil participantes.

Segundo pesquisa do Sebrae realizada com 3.482 clientes atendidos em 2015, a satisfação geral com o Empretec é muito positiva, com nota média de 9,1 pontos, sendo que 74% estão muito satisfeitos (atribuíram notas 9 ou 10).

Para o público que mesmo após o Empretec ainda não empreendeu (empregados, autônomos, desempregados, estudantes, aposentados, servidores públicos), a percepção de melhoria na empregabilidade é elevada, alcançando 85%. A renda atual/pós-empretec desse público é maior para 42% e igual para 51% dos entrevistados. A maior parte das empresas, após a participação no Empretec, registrou um aumento no faturamento mensal.

Como funciona

São 60h de capacitação em seis dias de imersão em que o participante é desafiado em atividades práticas, cientificamente fundamentadas que apontam como um empreendedor de sucesso age, tendo como base 10 características comportamentais:

1. Busca de oportunidade e iniciativa

  • Age com proatividade, antecipando-se às situações.
  • Busca possibilidades de expandir seu negócio.
  • Aproveita oportunidades incomuns para progredir.

2. Persistência

  • Não desiste diante de obstáculos.
  • Reavalia seus planos e, posteriormente, insiste neles ou muda para superar desafios.
  • Esforça-se além do comum para atingir os objetivos.

3. Correr riscos calculados

  • Procura e avalia alternativas para decidir.
  • Busca reduzir as chances de erro.
  • Aceita desafios moderados, com boas chances de sucesso.

4. Exigência de qualidade e eficiência

  • Melhora continuamente seu negócio e seus produtos.
  • Satisfaz e até excede as expectativas dos clientes.
  • Cria procedimentos para cumprir prazos e padrões de qualidade.

5. Comprometimento

  • Traz para si mesmo a responsabilidade sobre sucessos e fracassos.
  • Atua em conjunto com sua equipe para atingir os resultados.
  • Coloca o relacionamento com os clientes acima das necessidades em curto prazo.

6. Busca de informações

  • Envolve-se pessoalmente na avaliação do seu mercado.
  • Investiga sempre como oferecer novos produtos ou serviços.
  • Busca a orientação de especialistas para decidir.

7. Estabelecimento de metas

  • Persegue objetivos desafiantes e importantes para si mesmo.
  • Tem clara visão em longo prazo.
  • Cria objetivos mensuráveis, com indicadores de resultado.

8. Planejamento e monitoramento sistemáticos

  • Enfrenta grandes desafios, agindo por etapas.
  • Ajusta rapidamente seus planos às mudanças e variáveis de mercado.
  • Acompanha indicadores financeiros e considera-os para decidir.

9. Persuasão e rede de contatos

  • Cria estratégias para conseguir apoio a seus projetos.
  • Obtém apoio de pessoas-chave para seus objetivos.
  • Desenvolve redes de contatos e constrói bons relacionamentos comerciais.

10. Independência e autoconfiança

  • Confia na própria opinião mais do que na de outros.
  • É otimista e determinado, mesmo diante da oposição de ideias.
  • Transmite confiança em relação à própria capacidade.

Como participar

Para participar, procure o Sebrae do seu estado ou ligue no 0800 570 0800 e inscreva-se para a seleção.

Em seguida, agende uma entrevista, composta de perguntas sobre situações do seu cotidiano. Não é de caráter psicológico, é sigilosa, faz parte da metodologia do seminário e serve para identificar o perfil empreendedor do candidato. Isso vai auxiliar o Sebrae, durante o Seminário do Empretec, nas orientações para o grupo de pessoas selecionadas.

Após a entrevista, o candidato será informado pelo entrevistador se está apto ou não a participar do seminário, e pode então, se matricular para o Empretec, mediante o pagamento da taxa.

A história do sucesso

Em duas décadas, aproximadamente 215 mil empreendedores brasileiros foram beneficiados pelo Empretec. Assista ao vídeo abaixo e conheça um pouco mais sobre os resultados e sobre a história do maior case de sucesso do Sebrae.

Aprenda como um empreendedor de sucesso faz acontecer, desenvolva características comportamentais e habilidades para encarar o mercado de frente.

Descrição

O Empretec, é uma metodologia da Organização das Nações Unidas – ONU, promovida em cerca de 34 países, voltada para o desenvolvimento de características do comportamento empreendedor e para a identificação de novas oportunidades de negócio. No Brasil, o Empretec é realizado exclusivamente pelo SEBRAE.

Público

Este curso é ideal para você, que deseja empreender ou que possui negócio em andamento e também para gestores e líderes de empresas que desejam desenvolver competências empreendedoras.

Conteúdo e carga horária

São 60h de capacitação em 6 dias de imersão, onde você será desafiado a participar de atividades práticas, cientificamente fundamentadas que apontam como um empreendedor de sucesso age, tendo como base 10 características comportamentais.

Diferenciais

Com o Empretec, você reconhecerá todo o seu potencial empreendedor para melhorar o desempenho empresarial, ter maior segurança na tomada de decisões, ampliar a visão de oportunidades, dentre outros diferenciais, que aumentam as suas chances de sucesso no mundo dos negócios.

Fonte: SEBRAE

Programa do Sebrae ajuda empresas a adotarem modelos avançados de gestão


Sua empresa está consolidada no mercado e você pensa em evoluir seus negócios? Conheça o programa que apoia o processo de crescimento de pequenas empresas. O Programa Sebrae para Empresas Avançadas, Sebrae Mais, apresenta diversas soluções que ajudam empresas a adotarem modelos avançados de gestão empresarial, a ampliarem rede de contatos e a implantarem estratégias para estimular a inovação.

O Sebrae Mais foi criado para empresários, que têm mais de dois anos no mercado, mais de dez funcionários e que já conseguiram resolver problemas básicos de gestão e agora querem crescer, evoluir. Esse universo é composto por trezentas mil empresas, que precisam reinventar a fórmula do sucesso, inovando nos modelos de gestão, quebrando paradigmas e mudando o patamar de desenvolvimento. O crescimento é sempre uma meta a ser atingida e o Sebrae está à disposição para auxiliar nesse processo

O programa é divido em seis módulos: Estratégias Empresariais; Gestão da Inovação – Inovar para Competir; Planejando para Internacionalizar; Gestão Financeira – do Controle à Decisão; Encontros Empresariais; e Empretec.

No módulo de Estratégias Empresariais são abordados temas sobre como tornar as decisões estratégicas mais eficientes, a partir da avaliação dos ambientes interno e externo dos empreendimentos. Em Gestão da Inovação, os participantes recebem informações sobre tipos e estratégias de inovação, o que é fundamental para a competitividade.

“Depois que participei do Estratégias Empresariais, aprendi a avaliar melhor o meu empreendimento e a utilizar ferramentas como planilhas eletrônicas para o cálculo de honorários de profissionais e do custo do atendimento. Outro ganho foi que, com as mudanças organizacionais e comportamentais, passei a visualizar melhor as oportunidades de negócios”, afirma Aderson Luz, da Hidrofisio.

Ainda segundo o empresário os conhecimentos adquiridos e as técnicas implantadas na empresa permitiram um crescimento no faturamento. “Nosso faturamento aumentou em 30% em apenas quatro meses, com o mesmo número de profissionais e de equipamentos e os mesmos serviços. O que fizemos foi otimizar a produtividade”, acrescenta Luz.

A elaboração de um plano de internacionalização acontece durante o módulo Planejando para Internacionalizar, num passo-a-passo de como tornar uma empresa global e deixá-la preparada para o mercado internacional. O módulo de Gestão Financeira apresenta técnicas para controlar, analisar, planejar e simular informações financeiras dos negócios, para a eficiente tomada de decisões.

Para a empresária Juliana Davis, da Radical Tênis, participar do curso de Gestão Financeira permitiu a ela conhecer ferramentas para mensurar melhor os resultados e ver as coisas com mais objetividade. “Tudo isso teve reflexo direto no meu faturamento. As mudanças já são visíveis. Quebrei paradigmas e coloquei em prática dicas repassadas no curso”, destaca.

Juliana ressalta ainda que, durante o treinamento, enxergou a necessidade de mudar a política de crédito de sua empresa. “Vi que o percentual do cartão de crédito era muito alto e que não se adequava à realidade da minha empresa. Hoje só trabalho com cartões de débito, e isso já tem reflexo direto nos resultados”, completa a empresária.

Nos Encontros Empresariais, as pessoas responsáveis pelas decisões nas empresas reúnem-se e trocam experiências acerca de temas de interesse comum, fortalecendo uma rede de relacionamento e compartilhando erros e acertos.

 

O EMPRETEC

Outro módulo do programa é o Empretec, uma metodologia da Organização das Nações Unidas, ONU, aplicada há quase vinte anos no Brasil pelo Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas, Sebrae. O Empretec se propõe a promover mudanças no comportamento dos empreendedores, para que desenvolvam habilidades de negociação e gestão, e tenham maior segurança na tomada de decisão, aumentando as chances de sucesso da empresa.

Segundo levantamento encomendado pelo Sebrae ao Instituto Ver, o Empretec ajuda a aumentar a renda pessoal e impulsiona a carreira profissional dos participantes, já que 79% dos entrevistados afirmaram isso. A pesquisa, realizada de julho a agosto de 2010, nas cinco regiões brasileiras, revela ainda que no Nordeste, 67% dos empreendedores que participaram do seminário, ganham mais desde então. Foram entrevistadas 1.347 pessoas em todo o país.

Ainda de acordo com a pesquisa, o rendimento médio das empresas aumentou de R$ 54 mil para mais de R$ 74,5 mil após a participação dos gestores no treinamento e o número de funcionários de nove para onze. Os entrevistados dizem que esse crescimento veio porque, após o treinamento, eles aprenderam a preparar melhor metas, planos e projetos; se reeducaram para se relacionar com os clientes, passaram a ter uma melhor visão do mercado e maior facilidade para identificar oportunidades, investiram na melhoria da qualidade de produtos e serviços, além de exercerem uma melhor gestão sobre resultados e recursos humanos.

Outro índice que mostra a eficácia desse treinamento é que a mortalidade das empresas brasileiras em que os gestores participaram do Empretec é bem menor. Na China, que juntamente com o Brasil faz parte do grupo de trinta e dois países onde a metodologia é aplicada, 80% das empresas que tiveram acesso ao seminário se tornaram exportadoras. Das 180 mil pessoas capacitadas no mundo através dessa metodologia, 154 mil são brasileiras.

Maiores informações sobre o Sebrae Mais, visite a página do Programa no Portal do Sebrae.